Regulamento interno

Uliving Rio

Este Regulamento Interno tem por finalidade regular a conduta e o comportamento dos hóspedes dos empreendimento ULIVING Rio (“URio”), localizado na Praia do Flamengo, nº 20, Flamengo, Rio de Janeiro/RJ, CEP 22210-030 e estabelece as regras de convivência e as relações entre os usuários e hóspedes do empreendimento, bem como aplicação de multas no caso de infração do presente Regulamento.

 

  • 1. Normas Gerais
    • 1.1. Todos os hóspedes receberão um exemplar do presente Regulamento, a fim de não alegarem desconhecimento das NORMAS que compõem o URio;
    • 1.2. A Administradora se obriga a fazer constar nos contratos de hospedagem dos apartamentos a obrigação dos hóspedes, seus dependentes e visitantes, de respeitarem o presente Regulamento;
    • 1.3. Todos os hóspedes em caráter permanente ou temporário deverão obrigatoriamente preencher ficha de identificação antes do início de sua estadia.
    • 1.4. Os moradores deverão permitir o ingresso em suas unidades autônomas, da Administradora ou de seu preposto, sempre que esta julgar necessário, desde que notificados com 24 horas de antecedência, para a inspeção ou realização de trabalhos relativos à estrutura geral do edifício, sua segurança, limpeza e higiene ou solidez;
    • 1.5. Os apartamentos destinam-se, preferencialmente, a hospedagem de estudantes e jovens profissionais, podendo ser utilizados por estes (e seus responsáveis), funcionários de estabelecimentos de ensino, ou ainda convidados da Administradora;
    • 1.6. Os hóspedes deverão permitir o ingresso em suas unidades autônomas, da Administradora ou de seu preposto, para a inspeção ou realização de trabalhos relativos à estrutura geral do edifício, sua segurança, limpeza e higiene ou solidez. Nesses casos, o hóspede será notificado com até 24 horas de antecedência;
    • 1.7. O conserto ou substituição de qualquer peça ou aparelho danificado, de propriedade comum será realizado pela administradora e será cobrado de quem lhe der causa, sempre que apurada a devida responsabilidade;
    • 1.8. O hóspede que causar danos ou prejuízos materiais a outros hóspedes ou terceiros, responderá civilmente pela ação ou omissão;
    • 1.9. Cabe a todos os hóspedes, visitantes e funcionários zelar pelo cumprimento do regulamento, pelo patrimônio material do prédio e pela harmonia do ambiente e respeito com todos. Se necessário, é resguardado o direito aos funcionários de advertir verbalmente e/ou por escrito o infrator, passível de multa e/ou cancelamento do contrato;
      • 1.9.1. É estritamente proibido o assédio ou a discriminação baseados em raça, cor, religião, gênero, orientação sexual, identidade de gênero, nacionalidade, idade, presença de deficiência, gravidez, informação genética, estado civil, porte ou condição social. No âmbito desta política, assédio é definido como conduta verbal, escrita ou física que rebaixe ou mostre hostilidade, aversão ou favoritismo em relação a uma pessoa ou seus parentes, amigos(as) ou associados por conta de sua raça, cor, religião, gênero, orientação sexual, identidade de gênero, nacionalidade, idade, presença de deficiência, gravidez, informação genética, estado civil, porte ou condição social;
    • 1.10. É estritamente proibido qualquer tipo de assédio sexual, o qual inclui uma gama de comportamentos sutis e não sutis que podem envolver pessoas do mesmo gênero ou de gêneros diferentes. Dependendo das circunstâncias, tais comportamentos podem incluir investidas sexuais indesejadas ou pedidos de favores sexuais; piadas ou insinuações de caráter sexual; comentários sobre o corpo, os atributos sexuais ou as deficiências sexuais de uma pessoa; olhares lascivos, assobios ou toques; insultos, comentários ou gestos obscenos; demonstração de objetos ou imagens sexualmente sugestivos; e outras condutas físicas, verbais ou visuais de natureza sexual;
    • 1.11. Apartamentos compartilhados: caso o room mate saia em datas distintas do ocupante, disponibilizando a cama, a administradora poderá locar para um novo morador. Fica estabelecido o prévio e expresso consentimento do ocupante para tal;
    • 1.12. Apartamentos compartilhados: Fica estabelecido o prévio e expresso consentimento do ocupante para a administradora mudá-lo de cama em caso de vacância, sendo obrigatório manutenção ou upgrade de categoria de cama, sem ônus para o ocupante;
    • 1.13. O pagamento da mensalidade e despesas dos moradores serão realizados exclusivamente via boleto. A estadia de visitantes poderá ser paga, em caráter de exceção, via cartão de crédito/débito, o qual terá acréscimo de 5% devido taxa do cartão, conforme previsto no contrato de hospedagem;
    • 1.14. Check-in/check-out/ vistoria: As datas e horários para essas etapas deverão ser agendadas com no mínimo 72h de antecedência, as quais serão realizadas em horário comercial (09h às 18h). No descumprimento desta regra, a administradora reserva-se o direito de não executar os procedimentos. Nas vistorias, caso o ocupante não a acompanhe o mesmo concorda implicitamente e acata integralmente o laudo emitido pela administradora;
    • 1.15. Taxa de limpeza: Será debitado do valor do depósito de danos uma taxa de R$ 100,00 referente à limpeza geral do apartamento no momento do check-out (exceto nos apartamentos com pet, cujo valor será de R$ 200,00);
    • 1.16. A Uliving não recebe pagamentos em dinheiro vivo ou via transferência bancária, tendo o pagamento via boleto ou cartão de crédito como única norma a seguir;

 

  • 2. Horário de Funcionamento do lounge/portaria e acesso de pessoas
    • 2.1. Funcionamento 24 horas por dia, 7 dias por semana;
    • 2.2. A entrada ou saída de pedestres nas dependências do URio dar-se-á pelo lounge principal na Praia do Flamengo, nº 20, de forma independente através de leitor biométrico ou através da abertura da porta de entrada pelo funcionário;
    • 2.3. O hóspede deverá informar à equipe do lounge, previamente e por escrito, quais os visitantes, que estarão autorizados a entrar no edifício, com pelo menos um dia de antecedência. Os visitantes devem registrar-se no lounge, mediante preenchimento de uma Ficha e apresentação de documento de identificação civil com foto;
    • 2.4. É vedado o acesso de qualquer pessoa não autorizada às áreas de uso restrito do URio. O visitante que infringir este Regulamento Interno deverá se retirar e não poderá entrar no Empreendimento novamente;
    • 2.5. O hóspede ao receber visitante torna-se responsável solidariamente por todos os atos praticados pelo seu visitante, inclusive os custos por ocasionais danos causados;
    • 2.6. É vedado acesso de visitantes a apartamentos que não sejam individuais. Por outro lado, apartamentos individuais poderá receber somente 1 (um) visitante por vez;
    • 2.7. Os hospedes dos apartamentos individuais podem receber 1 (um visitante) para pernoitar até 7 (sete) noites seguidas sem custo adicional. Após esse período, será cobrado o valor da diária estabelecido na recepção na data da hospedagem;
    • 2.8. Cada hóspede poderá receber no máximo 2 (dois) visitantes por vez nas áreas comuns do edifício, respeitando o limite máximo de 20 (vinte) convidados dentro do prédio, pelo período máximo de 4 (quatro) horas;
    • 2.9. Não será permitido a visita ou hospedagem de criança ou adolescente, sem a presença ou autorização dos responsáveis, conforme previsto no Art.250 do ECA – Lei nº 8.069 de 13 de Julho de 1990;

 

  • 3. Recepção de Correspondências e Pequenas Encomendas
    • 3.1. Todas as correspondências e pequenas encomendas destinadas aos apartamentos serão recebidos pela equipe do lounge e entregues aos hóspedes pessoalmente ou colocadas nas respectivas caixas de correios;
    • 3.2. As correspondências registradas, somente serão entregues ao destinatário mediante assinatura de protocolo de recebimento.
    • 3.3. O recebimento de correspondências ou encomendas por funcionários do URio não implicará na admissão de qualquer responsabilidade ou no aceite das mesmas, o que caberá ao respectivo destinatário.
    • 3.4. Os student relations não estão autorizados a manter sob sua guarda, valores sob qualquer forma (em espécie, títulos ou cheques) que pertençam aos hóspedes.
    • 3.5. Não é permitida a entrada de entregadores nas dependências do condomínio.
    • 3.6. Na ocasião da entrega de serviços delivery, os hóspedes devem descer até o lounge para atender o entregador.

 

  • 4. Aquisição da segunda cópia de chaves ou do cartão QR Code
    • 4.1. A aquisição de um novo cartão QR Code da lavanderia, independentemente da eventualidade ocorrida será cobrado na próxima mensalidade do mês o valor de R$ 20,00 (vinte reais). O cartão deve ser devolvido no final do período da hospedagem. No caso de extravio, o valor deverá ser pago ou poderá ser descontado do depósito garantia de danos;
    • 4.2. A aquisição de uma nova chave (porta do apartamento, armário do quarto, armário da cozinha ou caixa de correios), independentemente da eventualidade ocorrida será cobrado na próxima mensalidade do mês o valor de R$ 20,00 (vinte reais) por chave. As chaves deverão ser devolvidas no final do período da hospedagem. No caso de extravio de qualquer uma das chaves, o valor deverá ser pago ou poderá ser descontado do depósito garantia de danos;

 

  • 5. Normas Gerais para Pequenas intervenções nos Apartamentos
    • 5.1. Será expressamente proibido qualquer tipo de intervenção (ex: colocação de quadros na parede) nos apartamentos sem prévia autorização da Administradora;
    • 5.2. É expressamente proibido retirar qualquer item dos Apartamentos (colchão, cama, Tv, Controles, etc) ou alterar o layout padrão;
    • 5.3. É expressamente proibido acomodar mais de uma pessoa nas camas dos apartamentos, todas as camas disponibilizadas são camas de solteiro, portanto individuais, exceto se eventualmente houver disponibilização de cama de casal no Apartamento;
    • 5.4. Certifique-se que ao sair de seu apartamento, as luzes, torneiras, chuveiro, ar condicionado, TV, entre outros, estejam devidamente desligados;
    • 5.5. Os hóspedes são responsáveis por manterem os armários/guarda roupas organizados, zelar pelo perfeito estado e pela higiene interna e externa, sendo proibida a colagem de qualquer material nos armários, paredes, portas e janelas;
    • 5.6. Qualquer dano causado ao Apartamento, que não esteja incluído na lista de manutenção, vide cláusula VII – “Manutenção e Operações de Equipamentos” deste regulamento será cobrado à parte.
    • 5.7. É expressamente proibido utilizar o ferro de passar no Apartamento, sendo que a utilização do mesmo apenas deve ser feito na lavanderia;
    • 5.8. A Administradora reserva-se o direito de efetuar mudança de Apartamento, caso haja necessidade oferecendo um novo Apartamento da mesma categoria ou superior ao atual;
    • 5.9. Por questões de segurança é terminantemente proibida a ligação de aquecedores ou quaisquer outros equipamentos elétricos de alta potência, em especial a instalação de cooktop ou micro-ondas nos apartamentos que não tiverem esses itens, sem o prévio, expresso e escrito consentimento da Administração, pois a infraestrutura elétrica não prevê esses equipamentos, o que poderia causar incêndio;

 

  • 6. Sistema de Segurança Patrimonial
    • 6.1. Os hóspedes devem colaborar com a segurança do Empreendimento, fiscalizando e informando a presença de pessoas estranhas ao convívio diário, bem como em atitudes suspeitas;
    • 6.2. Quando se registre qualquer ocorrência dentro das dependências do Empreendimento, a equipe do lounge poderá chamar apoio policial, caso necessite, registrando Boletim de Ocorrência (B.O.);
    • 6.3. Independentemente das medidas de segurança adotadas pela administração do URio e dos equipamentos nele instalados, em nenhum momento a administração, será responsável por qualquer custo relacionado a problemas com segurança ocorridos nas dependências dos apartamentos;
    • 6.4. Toda e qualquer irregularidade ocorrida ou observada deverá ser comunicada de imediato à equipe do lounge;
    • 6.5. É expressamente proibido conceder as chaves de acesso a terceiros sendo essa infração considerada gravíssima;
    • 6.6. É obrigatório manter as portas dos Apartamentos sempre fechadas;

 

  • 7. Manutenção Geral e Operações de Equipamentos 
    • 7.1. A administração do edifício é a responsável pela operação e manutenção dos sistemas instalados e suas redes de distribuição a seguir descritas, nas áreas comuns do edifício e dos apartamentos;
    • 7.2. São de responsabilidade da administração do edifício a operação e manutenção dos seguintes sistemas:
      • 7.2.1. Sistema Hidráulico – composto da rede de água potável e de hidrantes para combate a incêndio, rede de esgotos e rede de captação de águas pluviais;
        • 7.2.1.1. Sistema Elétrico – Composto pelos quadros de distribuição das áreas comuns e apartamentos, com destaque para:
          • 1) Entrada, medição e distribuição de energia;
          • 2) Sistemas de emergência;
      • 7.2.2. Sistema de Prevenção e Combate a Incêndio – todos os equipamentos e instalações de prevenção e combate existentes nas áreas de uso comum, bombas de pressurização e painéis de controle;
      • 7.2.3. Manutenção básica dos apartamentos, que consiste em:
        • a) Manutenção do sistema hidráulico (torneiras e registros, sifão e outras conexões, ralos e válvulas);
        • b) Vazamentos ou infiltrações;
        • c) Falhas elétricas;
        • d) Troca de lâmpadas;
        • e) Conserto de portas e janelas;
        • f) Conserto de equipamentos (frigobar, tv, cooktop micro-ondas, ar condicionado).
      • 7.2.4. Qualquer dano causado, que não se enquadre na lista de manutenção acima ou que seja causado por mau uso será arcado pelo hóspede;
      • 7.2.5. Não estão inclusos na manutenção (vide preços de cada item no Anexo 10.1 do contrato de hospedagem)
        • a) Fornecimento de pilhas de controle remoto.

 

  • 8. Danos Patrimoniais e Zelo
    • 8.1. Caso o hóspede cause algum dano às Áreas Comuns, ao Apartamento ou a terceiros, terá o prazo de 5 dias para conserto ou reposição do mesmo. Passado esse prazo, a Administradora reserva-se no direito de fazer o reparo e solicitar o reembolso ao hóspede;
    • 8.2. Os hóspedes devem zelar pelos equipamentos e móveis, a fim de manterem a ordem, limpeza e o perfeito estado de todo o Empreendimento;
    • 8.3. Os hóspedes devem manter limpos os ralos dos banheiros e pias, a fim de evitar possíveis entupimentos;
    • 8.4. É expressamente proibido jogar papel higiênico, absorvente ou qualquer outro objeto dentro dos vasos sanitários, pois podem causar entupimentos nas tubulações. Caso seja detectado que a causa do entupimento seja por mau uso, o causador do dano será responsável pelos custos de manutenção;

 

  • 9. Limpeza e Coleta de Lixo
    • 9.1. Cabe à administração do Empreendimento providenciar os serviços de limpeza das áreas comuns, em horários e condições que permitam a boa ordem e aparência do empreendimento;
    • 9.2. A coleta do lixo dos apartamentos é realizada pelos próprios hóspedes e devem ser depositados diariamente na lixeira maior, sendo que sua localização deve ser consultada no lounge;
    • 9.3. As lixeiras devem permanecer totalmente fechadas. Caso exceda o limite e não seja possível fechá-la, o hóspede deverá avisar ao lounge;
    • 9.4. Caso os hóspedes desejem contratar limpeza do Apartamento, deverão contratar às suas expensas serviços de pay per use, oferecidos pela Administradora, sendo certo que deverão sob sua responsabilidade guardar adequadamente todos seus pertences;
    • 9.5. Na data marcada para a limpeza dos apartamentos, o hóspede não poderá estar presente;
    • 9.6. O serviço de limpeza contratado não inclui lavagem de louça, devendo esta estar limpa e guardada para garantir a limpeza adequada da copa;
    • 9.7. O hóspede é responsável pela higienização de suas roupas de cama/banho, sendo obrigatória sua utilização, a fim de garantir a limpeza e higiene do colchão;
    • 9.8. O hóspede deverá manter o apartamento em boas condições de limpeza e higienização, sendo vedada a contratação de quaisquer serviços terceirizados (incluindo limpeza), responsabilizando-se pela retirada do lixo produzido em sacos plásticos e seu correto armazenamento na lixeira;
    • 9.9. A Uliving reserva-se o direito de não efetuar a limpeza caso os pertences do morador estejam espalhados de tal forma que prejudique a execução do serviço no momento da arrumação (roupas espalhadas e/ou no chão, pertences pessoais, louça suja na pia ou na bancada, excesso de lixo);
    • 9.10. Conforme previsto em contrato, será debitado do depósito de danos uma taxa de limpeza da habitação na ocasião do check-out.

 

  • 10. Acesso de Carga e Descarga
    • 10.1. Normatizar a entrada de volumes de médio e grande porte nas dependências da URio.
    • 10.2. Os horários para Carga e Descarga, quando existir local apropriado são:
      • a) Segunda a Sexta – de 08:00 às 18:00 horas
      • b) Sábado – de 08:00 às 12:00 horas
      • c) Domingos e feriados – Não pode ser feito, exceto se previamente autorizado pela Administradora;
    • 10.3. A carga e descarga de materiais deverão ser feitas por profissionais contratados pelos hóspedes, utilizando as áreas de acesso destinadas para tal, mediante autorização prévia obtida no Lounge.
    • 10.4. Qualquer evento e/ou dano decorrente deste transporte, que cause a necessidade de reparos ou limpeza das áreas comuns do Empreendimento será de responsabilidade do hóspede.
    • 10.5. Não será permitido o armazenamento de materiais de qualquer natureza em áreas compartilhadas/comum do Empreendimento.

 

  • 11. Uso dos estabelecimentos anexos (restaurante e bar)
    • 11.1. A Administradora e o proprietário não se responsabilizam pela operação dos estabelecimentos anexos no que tange a horários, cardápios e atendimento.

 

  • 12. Uso do Elevador
    • 12.1. Os elevadores permanecem em operação diariamente, 24 (vinte e quatro) horas por dia;
    • 12.2. A manutenção dos elevadores é executada por empresa especializada. Entretanto, qualquer defeito no funcionamento notado pelos usuários, deverá ser notificado à administração que se encarregará de chamar os técnicos para os devidos reparos;
    • 12.3. Os elevadores são equipados com aparelhos intercomunicadores, que quando acionados permitem o contato do usuário com a segurança;
    • 12.4. Na ocorrência de algum problema durante o transporte de pessoas, estas devem acionar o botão de emergência localizado dentro dos elevadores, comunicando o incidente à segurança do Empreendimento que tomará as devidas providências;
    • 12.5. Em caso de pessoas presas dentro do elevador, a segurança comunicará a ocorrência à mantenedora para que esta efetue o resgate;
    • 12.6. É terminantemente proibido que qualquer um que não seja o técnico especializado e designado pela empresa responsável faça qualquer intervenção no elevador que apresentar problemas técnicos;
    • 12.7. Qualquer usuário que causar algum dano ao elevador no transporte de material, será responsável por seu reparo, cabendo a este arcar com os custos pertinentes.

 

  • 13. Festas ou qualquer tipo de evento
    • 13.1. Não será permitido qualquer tipo de festa ou evento nas áreas comuns do Empreendimento e Apartamentos que não sejam aqueles programados ou autorizados pela Administradora;
    • 13.2. Caso o hóspede descumpra essa norma e faça qualquer tipo de festa ou evento, será aplicada uma multa no valor de R$500,00 (quinhentos reais) e o hóspede receberá uma advertência. Após duas advertências o contrato será rescindido.

 

  • 14. Lobby, Sala de TV e Espaços de Convivência
    • 14.1. Poderão ser usados por todos os hóspedes do Empreendimento, os quais são responsáveis por sua preservação e ordem;
    • 14.2. A sala de TV e Espaço de Convivência são de uso exclusivo dos hóspedes, sendo limitado a utilização de no máximo 2 (dois) convidados por hóspede por vez, respeitando o limite de 20 (vinte) convidados dentro do prédio, por um período máximo de 4 (quatro) horas;
    • 14.3. É expressamente proibida a utilização de máquinas, computadores, telefones, disponíveis no ambiente de trabalho da equipe da Administradora;
    • 14.4. A utilização da impressora deve ser solicitada à administração e o custo da impressão será cobrado juntamente com o valor da próxima mensalidade;
    • 14.5. A utilização do coworking será livre para os moradores, sem posição fixa, sendo que esta cláusula poderá ser modificada futuramente para uso externo. Caso a mesma seja modificada, a Administradora entrará em contato com os moradores apresentando o novo modelo de uso.

 

  • 15. Sala de Estudos / Coworking
    • 15.1.  utilização da sala de estudos deve ser previamente reservada na recepção;
    • 15.2. A sala de estudos destina-se ao uso exclusivo dos hóspedes e convidados (no máximo 2 convidados por hóspede por vez);
    • 15.3. O hóspede que desejar utilizar a sala de estudos deverá respeitar as normas de silêncio, independentemente do horário em que utilizar.
    • 15.4. É proibida a utilização equipamentos eletrônicos que possam perturbar os demais usuários, sendo certo que o celular deverá ficar em modo silencioso;
    • 15.5. É expressamente proibido subir e sentar nas mesas de estudos;
    • 15.6. O hóspede poderá ouvir música ou assistir vídeos desde que utilize fone de ouvido e o volume não incomode os demais usuários;
    • 15.7. A utilização da TV dentro da sala de estudos é exclusivamente para fins acadêmicos, sendo proibida sua utilização para outros fins (filmes, vídeo game, etc);
    • 15.8. É proibido o consumo de alimentos e bebidas alcoólicas dentro da sala de estudos.

 

  • 16. Garagem
    • 16.1. Não há obrigatoriedade de oferecimento de vagas especiais para idosos ou portadores de necessidades especiais;
    • 16.2. A utilização da garagem está condicionada a contratação do serviço, no valor de R$ 300,00/mês para veículos de passeio e R$ 150,00/mês para motos;
    • 16.3. A vaga é destinada a guardar apenas um automóvel, devendo este ser registrado junto à equipe do lounge;
    • 16.4. as vagas serão fixas, cabendo aos usuários respeitar os limites de utilização de suas respectivas vagas;
    • 16.5. A vaga não poderá ser alugada, vendida ou utilizada por qualquer pessoa que não seja o próprio morador contratante do serviço;
    • 16.6. Não é permitida a utilização da garagem para guardar móveis, utensílios ou objetos em geral;
    • 16.7. É de responsabilidade do usuário manter o local limpo e ordenado.

 

  • 17. Cozinha Comunitária:
    • 17.1. Todos os hóspedes são responsáveis por identificar seus alimentos dentro das geladeiras e utilizar apenas seus próprios alimentos e produtos;
    • 17.2. Todos os hóspedes são responsáveis por manter seus alimentos armazenados corretamente dentro de embalagens vedadas ou recipientes adequados, não permitindo assim que armários e/ou geladeiras fiquem com mal cheiro e/ou atraiam vetores (insetos e/ou roedores);
    • 17.3. Todos os hóspedes são responsáveis por manter seus alimentos armazenados dentro do prazo de validade. Para manter a higiene, evitar possíveis contaminações e mal cheiros, a Administradora reserva-se no direito de fazer uma inspeção quinzenal das geladeiras e descartar produtos mal armazenados, sem identificação ou fora da validade;
    • 17.4. Todos os hóspedes são responsáveis por lavar e secar toda louça e utensílios que utilizarem, guardando de volta no seu devido lugar. É expressamente proibido deixar louças sujas, dentro da pia, sobre as mesas ou bancadas;
    • 17.5. Todos os hóspedes são responsáveis por manter limpa e organizada a área de preparo e cozimento de alimentos;
    • 17.6. Todos os hóspedes são responsáveis por limpar seu local de refeição após utilização;
    • 17.7. Antes de se retirar da cozinha, verificar se o fogão, ar condicionado, eletrodomésticos e televisão estão devidamente desligados;
    • 17.8. Faça o descarte do óleo de forma adequada no ponto de coleta;
    • 17.9. A cozinha compartilhada é um local para preparo e consumo de refeições, sendo proibido a realização de qualquer tipo de festa ou evento sem a prévia e expressa autorização da Administradora;
    • 17.10. O consumo de bebida alcoólica é proibido para menores de 18 (dezoito) anos (Art.243 ECA Lei nº 8.069 de 13 de Julho de 1990) e seu consumo por maiores de 18 (dezoito) anos na cozinha compartilhada deve ser moderado, sendo seu consumo em excesso considerado infração grave passível de multa e advertência;
    • 17.11. A Administradora poderá utilizar a cozinha compartilhada para realização de eventos internos. Os hóspedes serão comunicados com no mínimo 48 (quarenta e oito horas de antecedência);
    • 17.12. A cada ocasião onde for constatada a má utilização do espaço ou a inobservância das regras de higiene e convivência estipuladas acima resultará em multa de R$ 100,00 e advertência.

 

  • 18. Rooftop e Piscina
    • 18.1. A entrada de convidados externos está condicionada à autorização prévia da administração, devendo ser pago o valor de R$ 10,00 por pessoa antecipadamente;
    • 18.2. Os horários de utilização da piscina são:
      • a)Domingo a Quinta-feira de 08:00 às 21:00;
      • b)Sexta e Sábado de 08:00 às 22:00;
    • 18.3. O horário de utilização do Rooftop é de 08:00 às 22:00 todos os dias;
    • 18.4. A utilização de som nas áreas externas deve respeitar os vizinhos conforme Art.42 da LCP – Decreto Lei 3.688 de 1941, e a Lei estadual do Rio de Janeiro nº 126, de 10 de maio de 1977 cujo limite é de 85 decibéis;
    • 18.5. Não utilizar bronzeador se for entrar na piscina;
    • 18.6. Não correr, dar saltos ou praticar qualquer ato que atente contra a segurança no entorno da piscina;
    • 18.7. Não é permitido o consumo de alimentos e bebidas dentro da piscina;
    • 18.8. Os usuários da piscina não devem circular pelas dependências do empreendimento molhados, para evitar situações de risco contra a segurança;
    • 18.9. O consumo de bebida alcoólica é proibido para menores de 18 (dezoito) anos (Art.243 ECA Lei nº 8.069 de 13 de Julho de 1990) e seu consumo por maiores de 18 (dezoito) anos na cozinha compartilhada deve ser moderado, sendo seu consumo em excesso considerado infração grave passível de multa e advertência;
    • 18.10. A administradora se reserva no direito de interromper a utilização da piscina a qualquer momento para a realização de manutenção e limpeza regulares;
    • 18.11. A Administradora se reserva ao direito de utilizar as áreas externas do Rooftop e Piscina para realização de eventos internos ou externos. Os hóspedes serão comunicados com no mínimo 48 (quarenta e oito horas de antecedência).

 

  • 19. Utilização da Lavanderia
    • 19.1. A lavanderia poderá ser utilizada mediante realização de agendamento antecipado, através de aplicativo eletrônico. O pagamento será realizado mensalmente, através do boleto bancário de cobrança da mensalidade, realizada pela Administradora;
    • 19.2. Há espaço na lavanderia disponibilizado para passar roupas, sendo proibido a utilização do ferro de passar dentro dos apartamentos;
    • 19.3. Qualquer falha ou quebra dos equipamentos, deverá ser informado imediatamente a administração que irá verificar o ocorrido e tomar as providências para regularização e conserto dos equipamentos;
    • 19.4. É proibido o uso da lavanderia por pessoas que não sejam hóspedes;
    • 19.5. Não deixar e/ou guardar qualquer peça de roupa, baldes, bacias e produtos na lavanderia, devendo o hóspede utilizarem os armários disponíveis;
    • 19.6. Peças que NÃO podem ser lavadas nas máquinas:
      • a) Cobertores de lã; Cobertas em geral;
      • b) Roupas com pelos de animais; Pano de chão;
      • c) Tapetes; e outras peças, cujo bom senso assim o determinar;
    • 19.7. Há informações adicionais afixadas pela Administradora, contendo orientação dos fabricantes na utilização das máquinas, responsabilizando-se o hóspede por danos causados no equipamento pela inobservância das informações;
    • 19.8. Qualquer dano causado nos bens lavados pelo hóspede não será de responsabilidade da Administradora;
    • 19.9. É proibido mexer nos quadros de energia e instalações Elétricas e/ou Hidráulica;
    • 19.10. É proibido pendurar roupas dentro do espaço da lavanderia. As roupas devem ser secas nas secadoras ou penduradas dentro dos apartamentos;
    • 19.11. Os hóspedes são responsáveis por retirar suas roupas após término de cada ciclo de lavagem e/ou secagem. A Administradora não possui nenhuma responsabilidade no caso de perda de peças.

 

  • 20. Animais Domésticos
    • 20.1. São permitidos gatos e cachorros de pequeno porte;
    • 20.2. Só poderá haver 01 (um) pet por apartamento;
    • 20.3. Só serão aceitos pets nos apartamentos individuais;
    • 20.4. A permanência do pet está condicionada à apresentação do comprovante das seguintes vacinas dentro da validade:
      • a) Cães: Vacina V8 (que previne Cinomose, Coronavirose, Hepatite (adenovirose I), Adenovirose II, Leptospiroses, Parvovirose e Parainfluenza) e Antirrábica;
      • b) Gatos: Vacina V4 (que protege contra a rinotraqueite felina, a calicivirose felina, a panleucopenia felina e clamidiose) e Antirrábica;
    • 20.5. A permanência de pets nas áreas comuns é totalmente proibida;
    • 20.6. A movimentação do pet pelo prédio deve ser feita com o animal no colo ou dentro de caixa transportadora;
    • 20.7. Caso o pet provoque reclamação dos vizinhos, o proprietário será advertido. Em caso de reincidência, o pet não poderá mais permanecer no prédio, tendo o proprietário o prazo de uma semana a contar da data de notificação para levar o animal embora;
    • 20.8. Nos apartamentos em que houver a presença de Pet, a contratação do pacote semanal de limpeza será obrigatória;
    • 20.9. Na saída do morador proprietário de Pet, será cobrada uma taxa de R$ 200,00 para faxina e desodorização do apartamento;
    • 20.10. Qualquer dano causado pelo pet deverá ser ressarcido pelo proprietário;
    • 20.11. A Uliving não se responsabiliza pelo bem estar e segurança do Pet e nem por eventuais ocorrências caso a janela seja deixada aberta;
    • 20.12. No momento da limpeza dos apartamentos, o pet não poderá estar presente. Caso contrário, a limpeza não será realizada.

 

  • 21. Utilização dos banheiros das áreas comuns
    • 21.1. A limpeza dos banheiros compartilhados seguirá o cronograma constante da administração;
    • 21.2. A reposição de sabonete, papel toalha e papel higiênico nos banheiros das áreas comuns são de responsabilidade da Administradora;
    • 21.3. É expressamente proibido subir nos vasos e nas pias;
    • 21.4. É expressamente proibido jogar papel higiênico, preservativos, absorventes e quaisquer outros objetos dentro do vaso;

 

  • 22. Proibições Gerais
    • 22.1. Estender objetos nas janelas ou em lugares que sejam visíveis do exterior ou de onde estejam expostos ao risco de cair, bem como sentar na parte alta interna junto às janelas ou remover o tampo do local;
    • 22.2. Lançar quaisquer objetos ou líquidos, sobre as vias públicas, áreas ou pátios internos;
    • 22.3. Colocar, sem a prévia autorização da administração ou deixar que coloquem nas partes comuns do condomínio, quaisquer objetos e/ou equipamentos, sejam de que natureza for;
    • 22.4. Manter ou armazenar nas áreas privativas aparelhos ou materiais que causem perigo à segurança do hóspede ou incômodo aos demais hóspedes;
    • 22.5. Lançar lixo em local não apropriado;
    • 22.6. Ter e usar objeto, instalação, material, aparelho ou substância tóxica, inflamável, odorífera, suscetível de afetar a saúde dos demais hóspedes;
    • 22.7. Consumir quaisquer drogas ou substâncias nocivas à saúde em áreas comuns ou no apartamento, sendo tal conduta considerada infração gravíssima;
    • 22.8. Produzir sons ou ruídos de qualquer natureza que possam incomodar os hóspedes e vizinhos do Edifício. Cumpre aos hóspedes guardar silêncio todos os dias da semana de 22:00 às 07:00 horas;
    • 22.9. Causar aglomeração, vozerio, algazarra, tumulto ou reunião excessivamente ruidosa em qualquer parte do edifício;
    • 22.10. Fumar dentro das dependências do Empreendimento, sendo essa infração considerada grave;
    • 22.11. Conceder as chaves de acesso a pessoas estranhas, sendo essa infração considerada grave;
    • 22.12. Circular sem camisa e/ou com peças íntimas pelos corredores e áreas comuns;
    • 22.13. Ceder e/ou alugar de qualquer forma apartamento/cama para qualquer pessoa;
    • 22.14. Realizar refeição na recepção, sala de TV, sala de estudos e sala de convivência;
    • 22.15. Acesso a qualquer área de serviço da Administradora. O descumprimento acarretará em uma infração grave;
    • 22.16. A prática do ato sexual e pornografia nas áreas comuns do URio, sendo uma infração gravíssima.

 

  • 23. Internet
    • 23.1. A conexão wireless é fornecida gratuitamente pela administradora. A velocidade da Internet poderá variar de acordo com a conexão e com o provedor. Cada morador pode usar até 3 dispositivos (laptop, desktop, Smartv, tablet e smatphone);
    • 23.2. Para liberação de dispositivos como consoles de jogos (Xbox e Playstation), consultar a Administração;
    • 23.3. A Administradora poderá estabelecer a qualquer momento, franquias de consumo da internet;
    • 23.4. O link é sujeito à variação de velocidade e queda e o empreendimento dispõe de apenas um, não havendo redundância. Esse link é responsabilidade de um provedor externo o qual a administradora não é responsável pela manutenção do mesmo.

 

  • 24. Multas por infração ao presente Regulamento
    • 24.1. As multas serão de natureza:
      • a) Leve;
      • b) Média;
      • c) Grave;
      • d) Gravíssima.
      • 24.1.2 Ressalvada a infração às condutas já estabelecidas por este Regulamento, a administradora analisará caso a caso para definição do enquadramento da infração praticada e respectiva penalidade. A reincidência da prática da infração ensejará o enquadramento da pena de natureza imediatamente superior à anteriormente aplicada e o período considerado será o de 1 (um) mês, contados da aplicação da última penalidade idêntica, ainda que sob a forma de advertência;
    • 24.2. Os valores das multas são os seguintes:
      • a) Leve = 5 (cinco) vezes o valor da diária constante no contrato vigente à época da prática da infração;
      • b) Média = 20 (vinte) vezes o valor da diária constante no contrato vigente à época da prática da infração;
      • c) Grave = 50 (cinquenta) vezes o valor da diária constante no contrato vigente à época da prática da infração, sendo passível de rescisão imediata do contrato e expulsão do Empreendimento;
      • d) Gravíssima = 100 (cem) vezes o valor da diária constante no contrato vigente à época da prática da infração, sendo passível de rescisão imediata do contrato e expulsão do Empreendimento.

 

  • 25. Disposições gerais
    • 25.1. Revogam-se as disposições em contrário e a solução dos casos omissos ficam a critério da Administradora.

 

Última atualização realizada em 30/09/2020